O trader joga uma partida de dois tempos: analogia entre futebol e trading

por Marcelo Alvarenga

É possível dominar o trading até chegar num ponto onde as coisas mais difíceis e complexas se tornarão mais simples e fáceis? Existe uma forma de executar as estratégias com confiança, sem medos, receios ou dúvidas? 

Um trader chegará em uma fase do seu desenvolvimento onde terá a capacidade de ler o mercado, enxergar os movimentos mais prováveis e ganhar dinheiro de forma consistente?
Exemplo de imagem
A resposta é sim! Sem dúvida é possível.

Mas o fato é que pelas dificuldades existentes no trading, tanto aspectos técnicos como emocionais, o domínio completo pode levar muito tempo. Isso não significa que com a experiência o trading se tornará algo fácil e simples, mas sem dúvida as coisas se tornarão mais claras e menos difíceis com o tempo.

Mas não se iluda. Para chegar neste ponto será necessário trabalhar em muitas áreas e disciplinas. E elas abrangem aspectos técnicos, mindset, comportamentais e até mesmo pessoais.

Por ser um processo que pode levar tempo, muitos traders, infelizmente, não conseguem se desenvolver até chegar ao ponto onde as coisas poderiam se tornam mais fáceis. Muitos acabam parando na metade do caminho.

Pensando nessa dificuldade que vejo muitos passarem e que também foram difíceis para mim, achei interessante escrever um artigo com uma lição que aprendi em um seminário com Mark Douglas nos Estados Unidos. Caso você não o conheça, Mark foi um escritor e trader famoso e que fez enorme diferença na vida de muitos traders com seus livros e coaching. Fez diferença na minha também e me ajudou a mudar a forma como passei a encarar o trading.

Ele falou o seguinte: “dominar o trading é como jogar uma partida com dois tempos diferentes. No primeiro tempo você deve desenvolver seu lado técnico e habilidades para saber ler o mercado. No segundo tempo, depois de aprender a ler o mercado, o jogo muda e o desenvolvimento do mindset e aspectos comportamentais passa a ser mais importante para o sucesso”.

Antes de mais nada, quem falou essa frase foi uma pessoa que passou mais de 30 anos orientando e treinando traders milionários e vencedores. Se alguém sabe como é possível vencer, teve centenas de experiências com traders de sucesso e entende alguma coisa de psicologia aplicada para traders, essa pessoa sem dúvida foi Mark Douglas (infelizmente, ele faleceu em 2016).

E essa lição que ele me ensinou que precisaria separar o meu processo de aprendizado e desenvolvimento para dominar o trading como se estivesse jogando uma partida com dois tempos diferentes, foi um grande alívio e fez enorme diferença. Principamente por escutar isso dele.

No meu caso e não sei se você sente a mesma coisa, mas tinha a impressão que precisaria dominar 100% do trading ao mesmo tempo, tudo de uma vez. E a verdade é que isso, além de ser impossível, poderia impedir o meu desenvolvimento como trader.

Ao invés de seguir um processo lógico de aprendizado onde o domínio técnico é priorizado no início, muitos acabam invertendo e se preocupando, antes do tempo, com o lado psicológico e acham que as emoções os impediram de vencer.

Se a pessoa que mais entendia de psicologia e mindset para traders estava me dizendo para eu não me preocupar com minhas emoções antes de saber ler o mercado e dominar os aspectos técnicos, quem sou eu para discordar dele, não é verdade?

E o resultado final e prático de ter aprendido essa lição com Mark Douglas foi impressionante e mudou minha vida. Eu passei a me dedicar a dominar técnicas e habilidades necessárias para ler o contexto do mercado, entender como os grandes players e participantes operam, conhecer mais a fundo as estratégias de traders profissionais e aprendi que precisaria ter uma vantagem competitiva em minhas operações para ter um método vencedor.

E por que isso mudou minha vida? Bem, eu creditava meus resultados negativos e insucesso no mercado à questões emocionais, minha mente e os aspectos de psicologia aplicada a traders. Mas a verdade é que não era isso não. O principal problema era que eu nunca soube ler o mercado e nunca aprendi a operar como profissional. E entendi que era nisso que precisava me dedicar para então pensar na minha mente.

Esse foi o primeiro tempo da minha partida para dominar o trading! 

Uma vez que consegui desenvolver a habilidade de ler o contexto do mercado, criei estratégias com vantagem competitiva e tinha certeza que havia ganhado o primeiro tempo da partida, foi quando comecei o segundo tempo. Fui trabalhar meu mindset, emoções, hábitos, rotinas e fortalecer o meu lado psicológico.

Se você não ganhar o primeiro tempo, será impossível virar o jogo no segundo. E a verdade é que quando um trader tem absoluta certeza que possui um método vencedor e uma vantagem real sobre os outros traders (ganhou o primeiro tempo), essa segunda parte do jogo se torna bem mais fácil.

E por que isso? Veja, o que poucos entendem é que as emoções, dúvidas e medos que traders sentem antes de entrar ou sair de operações, está muito mais relacionado com a falta de confiança nas próprias estratégias, técnicas, no método operacional e leitura do mercado do que na mente em si.

E quando um trader decide se desenvolver como se estivesse jogando uma partida com dois tempos diferentes, sem se preocupar com o segundo, antes de vencer o primeiro, a verdade é que o jogo se torna mais simples. E ganhar o segundo tempo passa a ser possível.

E foi exatamente o que fiz para me tornar profissional e consistente. Sem pular etapas e caminhando em passos firmes rumo ao profissionalismo e a consistência!

Se você está tendo dificuldades na sua caminhada, procure usar essa analogia que aprendi com Mark Douglas e estou compartilhando neste artigo. Pense que o domínio do trading será como jogar dois tempos de uma partida de futebol. 

No começo do jogo a prioridade é saber ler o contexto do mercado e desenvolver seu lado técnico.

Com o domínio técnico e total confiança de que você tem estratégias com vantagem competitiva que te darão dinheiro consistentemente, aí você começará o segundo tempo sabendo que venceu o primeiro. 

E será quando desenvolverá as habilidades de mindset, mudará hábitos, criará rotinas e trabalhará nos aspectos comportamentais e pessoais que são fundamentais para vencer nesta carreira e se tornar trader profissional.